Dirummad

Viagem de carro com crianças, é possível!

A primeira vez que fomos para Ribeirão Preto de carro, a Lari tinha 4 meses, quase 5. Foi super tranquilo para uma viagem de 4 horas.. chorou um pouco no começo e logo dormiu.

20160813_170027-COLLAGE

Na segunda vez, ela estava com 9 meses e dai por diante, já foi mais difícil… queria sair da cadeirinha e mamar no peito.. A maior parte da viagem foi aos prantos e não adiantava cantar, ou tentar acalmar.. foi muito tenso. Ela até chegou a vomitar uma vez (parecia a menina do exorcista), tivemos que parar o carro, trocar a criança inteira, dar um trato na cadeirinha e só então seguir viagem.

Em Janeiro desse ano, fizemos uma viagem para mais longe.. seriam 6 horas de carro.. então decidi me preparar. Li alguns artigos e pensei nas viagens anteriores.. o que poderia fazer para proporcionar conforto para a Lari no carro? Se nós adultos ficamos incomodados com tantas horas sentado, imagine uma criança? Então fizemos assim, dividimos a viagem em 2 partes, com 1 parada de meia hora para não ficar muito cansativo, fora as paradas de emergência para o banheiro.

Algumas dicas:

  • Ela mama no peito, mas também usa a mamadeira, então levei um litro de leite e toddy para ter sempre um mamá fresquinho. Claro que as vezes ela quer do peito e não tem santo que a convença do contrário, nessas horas, eu viro contorcionista, amamento com ela na cadeirinha mesmo. (Procuro não fazer sempre, mas as vezes o choro vence)
  • Alimento: Levei banana. Além de quase todas as crianças gostarem, ela é prática. A casca, por ser biodegradável, pode ser descartada no mato, se não houver lixeira (só não faça com o carro em movimento). Uma ótima opção, são as mini cenouras e uva passas. A Lari ama e também são práticas, não fazem sujeira e cabem várias num pote pequeno, além de serem super saudáveis. Levei água e alguns biscoitos que ela gosta também (polvilho, maisena), suco de caixinha e barrinha de cereal (meus aliados)
  • Distrações: Tenho um tablet que não uso muito, então baixei muitos jogos educativos como pareamento de sombras, cores e grupos, contornar figuras com os dedinhos, estourar balões, musiquinhas, vídeos e muito mais.. Confesso que isso me salvou por um bom período de tempo, fora que ela me surpreendeu brincando.
  • Brinquedos: Levei os brinquedos mais queridos do momento (porque cada fase é um brinquedinho preferido). Um cachorro extremamente rosa que canta, o Charlie que ela era apaixonada, mais uma bolsinha cheia.
  • Dica importante: Deixe uma bolsa com você que contenha uma muda de roupa de calor e outra de frio, paninhos de boca, fraldas e lenço. Quando parar para fazer a troca ou se acontecer algum acidente como vômitos ou derrubar comida e leite, você tem uma bolsa de rápido acesso e fácil para carregar e pegar as coisas. Leve também uma coberta.. pode ajudar a criança a pegar no sono.
  • Procure sair de casa num horário que a criança costuma dormir, assim você ganha algumas horinhas de tranquilidade.

Bom, como eu disse no começo, essa viagem estava prevista para durar 6 horas, até 6 horas e meia, porém, pegamos muita chuva na estada (muita mesmo) e nosso plano quase deu errado. Ficamos parados por 1 hora por causa das condições da estrada e chuva (aproveitamos para almoçar tranquilos) e no fim, fizemos a viagem em 8 horas.. sim, extremamente cansativo. A Larissa dormiu em dois momentos, primeiro foi  depois de 3 horas de viagem ..tranquilo, consegui até trocar com meu marido.. levei um pouco o carro para ele descansar, acordou boazinha, mas quando  faltavam 1 hora e meia para chegar (praticamente o tempo que gastamos a mais), foi difícil controlar o estresse e cansaço. Dormiu quando cruzamos a fronteira da cidade de tanto chorar.

Apesar dos imprevistos, chuva, shows da Lari, conseguimos chegar ao nosso destino com segurança.. atrasados, mas chegamos. As dicas que dei logo a cima, me ajudaram bastante mesmo.. sempre tinha algo para oferecer, algo diferente. Claro que tem horas que o choro é intenso, mas no final, dá tudo certo. Fomos para uma cidade linda de Minas, Capitólio e mesmo com a chuva, aproveitamos bastante.

Conte-nos a sua experiência.. como você faz numa viagem longa de carro com crianças? Quais as maiores dificuldades e se tiver uma dica interessante, fale para nós.

20180107_110619(0).jpg

Um comentário em “Viagem de carro com crianças, é possível!”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s