Dicas de viagens, Dirummad

O mar de Minas

Capitólio, sempre foi um dos lugares que queria muito conhecer. Fica em uma região muito privilegiada, entre a Serra da Canastra (que abriga um dos mais importantes cursos d’água da América do Sul) e o Lago de Furnas (maior espelho d’água do mundo), esses dois locais, quando se encontram, formam algumas das paisagens mais imponentes e belas do estado e do país, como cachoeiras, paredões rochosos, piscinas naturais, cavernas e, é claro, os imensos lagos artificiais de águas verde-esmeralda que dão forma ao “Mar de Minas”.

De Mogi das Cruzes – SP, dá 6:00 de carro, é uma viagem um pouco longa, principalmente para quem vai com crianças, é longa, mas não é impossível. (Veja dicas para viagens longas de carro com crianças). Saímos cedo de casa num domingo e chegamos lá já eram 18:00, levamos 8:00 para chegar por causa do mal tempo, pegamos muita chuva no caminho. Ainda em São Paulo, passamos por mais ou menos 5 pedágios, assim que entramos em Minas, não passamos por nenhum.. até achei estranho. As estradas de Minas são um pouco mais precárias, tem trechos de asfalto e de repente, terra.. até achamos que o GPS nos mandou para um lugar diferente (#medo), havia muita plantação de café e cidades pequenas isoladas e muita estrada de terra. Mas logo aparecia uma cidade e o asfalto e víamos que aquele era realmente o caminho.

A cidade em si, não tem nada.. é pacata, simples, muitos estabelecimentos não aceitam cartão. Usam umas maquinas registradoras bem antigas ou somente calculadora. (Isso foi em 1 dos poucos mercados de lá, e era mercado “grande”). Chegamos, arrumamos as malas, tomamos banho e fomos caçar um lugar legal para comer de baixo de uma chuva chatinha, que não nos deixava.

No “centro de Capitólio, que é minúsculo, há poucas opções para comer, tem uma praça com algumas barraquinhas, umas 2 pizzarias e 2 hamburguerias. Depois de rodar umas 3 vezes o mesmo quarteirão e unico, achamos um lugar bacana que servia lanches, porções, sucos e sorvetes por kilo. O preço foi bem em conta, nada exagerado e o lanche e porções bem servidos. Claro que existem alguns restaurantes bem chiques e caros, porém, queriamos comer bem e não pagar muito… mas nos hotéis, eles sempre indicam os melhores ($$) restaurantes.

Segunda amanheceu com uma pitadinha de sol, então coloquei o biquíni na Lari e em mim e fomos felizes tomar o café da manha e fazer o passeio de lancha logo após. Assim que terminamos, o sol já tinha ido embora e dado lugar para a chuvinha chata novamente (fomos em Janeiro).. estava um pouco frio, então trocamos as roupas e fomos dar uma volta na cidade.

cap

capi

Bom, na cidade em si, não tem nada.. apenas uma praia artificial que você não pode entrar, mas dá para pescar, um parquinho grande até para crianças e uma igreja católica bem bonita para visitação. Então, em 2 horas (Porque ficamos bastante tempo no parquinho), conseguimos passear pelos 3. Mais uma vez a chuva retornou bem forte e tivemos que ficar no quarto, pois não tinha condições de fazer algum passeio. Na parte da tarde da segunda, a chuva deu uma trégua e o tempo ficou mais firme, então aproveitamos para conhecer 2 lugares lindos e imperdíveis: O Mirante dos Canyons e a Cachoeira Dicadinha, que são passeios grátis. Essas e todas as outras atrações de Capitólio, ficam na Rodovia MG-050, então é indispensável você ir de carro. Do hotel em que estávamos (centro de Capitólio), até o Mirante, levamos meia hora.

Fomos primeiro na cachoeira que fica de um lado da Rodovia e o Mirante na mesma altura, porém do outro lado (Não existe estacionamento, mas você pode deixar ali, nas margens da estrada (pode parecer um pouco perigoso, mas todos deixam os carros ali). O caminho até a cachoeira é uma trilha curta de pedra, pode ser um pouco perigoso por que a impressão é que as pedras se soltam fáceis, mas nada como um pouco de atenção não ajude. A cachoeira é linda, larga e tranquila.. água transparente e suas pedras, parece que foram desenhadas a mão. Tudo muito belo e magnífico! Não conseguimos entrar porque estava muito frio para a Larissa… se estivesse sem ela, eu iria entrar, mas pelo menos molhamos nossos pés.

capit

caa

Depois de 40 minutos admirando aquele esplendor, atravessamos a Rodovia e fomos para o Mirante. No caminho para lá (bem tranquilo, porém, ,com muita lama por causa da chuva), eu não conseguia acreditar que estava indo conhecer aquele lugar.. queria tanto e finalmente estava ali… O Mirante é lindo, os Canyons são perfeitos e esplêndidos, tudo em perfeita simetria como se quem criou, utilizasse uma régua (Deus é muito detalhista). Ficamos ali por aproximadamente 1 hora.. não queria mais ir embora!

IMG_20180504_133112

capii

Voltamos para o hotel renovados.. já estava escurecendo e decidimos por comprar pão, queijo e peito de peru no mercado e fazer lanchinho no quarto do hotel mesmo. Ficamos ali assistindo e brincando até adormecermos.

A terça feira amanheceu com um sol maravilhoso, sem nenhuma nuvem no céu.. pulei da cama, colocamos novamente os nossos biquínis e fomos tomar café felizes da vida. Voltamos e arrumamos todas as malas, porque iríamos sair para o passeio de lancha e de lá, já íamos voltar para a casa. A lancha foi agendado na segunda em uma agência (Capitólio Passeios), existem várias agências e vários preços. Decidimos por um preço mais em conta e mais horas de passeio (4:00)… pagamos 70,00 por pessoa.

O pessoal da agencia foi bem receptivo, lancha em bom estado e o piloto da lancha devidamente identificado e capacitado. Foi distribuído colete salva vidas somente para as crianças (uso obrigatório), mas tinha para todos os adultos também.. estavamos em 12 pessoas, mais o piloto.

lancha

Depois de 10 minutos no enorme Lago de Furnas, chegamos na cachoeira Vale dos Tucanos… lugar lindo, com águas profundas na cor esmeralda. Era obrigatório o uso do colete para descer da lancha. Fizemos uma pausa de 20 minutos nesse lugar maravilhoso. Até a Lari entrou na água.

tuca

IMG_20180504_132649

Mais uns 5 minutos de lancha e chegamos em Cascatinha.. um lugar incrível também, mas não foi possível chegar muito próximo porque o nível do rio estava muito baixo, apesar das constantes chuvas. Então só apreciamos da lancha.

IMG_20180504_132820

A próxima parada, foi a visita aos Canyos. Como já disse aqui, é magnifico, grandioso, estonteante… parece que foi desenhado a mão. Sem contar a água transparente e as cachoeiras maravilhosas. Ficamos ali por meia hora curtindo as aguas geladas e admirando os canyons.

canyo

cany

Depois seguimos para a Lagoa Azul, que recebe esse nome por causa de um um poço azul  que se forma na primeira queda da cachoeira e que só é possível chegar através de uma trilha que começa na Rodovia. Como fomos pelo rio, ficamos somente na segunda queda.. mas ainda assim, foi maravilhoso e incrível. O que mais me impressionava era a transparência da água e o desenho das pedras.. uma combinação perfeita e Divina.

IMG-20180112-WA0024

IMG-20180112-WA0015

Depois de meia hora, fomos para o bar flutuante.. nessa hora, a Larissa já tinha dormido, então optamos por ficar na lancha esperando porque essa parada era de somente 10 minutos e acabei não tirando foto do bar, mas também é muito bonito. De lá, voltamos para as margens do rio e assim se encerrou nosso passeio.

IMG-20180112-WA0054

Estava prevista para ser 4 horas de passeio, mas acabou passando meia hora. É um lugar incrível que atraem muitas pessoas em todas as épocas do ano, então sempre está cheio. Uma coisa ruim, é que todas as lanchas ficam muito próximas quando param nas atrações, então para chegar até a sua, você se esbarra em hélice, lanchas, pessoas, cordas e assim vai.. se não prestar atenção, pode até se machucar. Se tiver um chinelo que prende no pé, eu indico levar, porque as pedras também machucam um pouco.

Capitólio é incrível e tem muitas outras atrações lindas como a trilha do Sol (40,00 por pessoa), onde você encontra 3 maravilhosas cachoeiras e o Paraíso Perdido (40,00 por pessoa), que perdemos de ir por causa da chuva. Uma dica, é escolher uma época que não chova tanto assim.. porque mesmo com criança, dá muito bem para aproveitar todos os passeios, filho não é impedimento.

De todos os lugares que já conheci, Capitólio foi o que mais me surpreendeu pela beleza e sua majestosa natureza. Um lugar perfeito que exige um espírito aventureiro, que você pode sim curtir com toda a família. Vale muito a pena, valem as 6 horas de carro e mesmo com Chuva, também vale a visita.

Gastamos com Hospedagem (2 diárias para 3 pessoas), passeio de lancha, comidas, pedágio e gasolina (ida e volta) R$1.000,00. Não foi muito caro.. claro que procuramos economizar e o hotel não foi 5 estrelas, mas também não era espelunca. Ficamos no Lara’s Hotel, muito bem limpo, organizado, café da manha delicioso, vista para a praia artificial e funcionários cordeais. Fomos no mês de Janeiro/2018, alta temporada.. depende da  época, você até consegue gastar menos em relação ao hotel, já que os valores dos passeios são fixos.

Vale ressaltar que é um passeio bom para levar seu filho sim, encontramos muitas crianças nas trilhas, nas lanchas e se divertindo nas águas. Não deixe de conhecer e se você já esteve lá com seu filho, conte para nós a sua experiência.

diversas

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s