Dirummad

Leite materno, uma das invenções mais magníficas de Deus

Ainda amamento a Lari, mesmo ela estando com 2 anos e 5 meses.. pra mim, é o melhor momento do meu dia, pois amamentar é muito mais do que alimentar. É aconchego, abrigo, carinho, proteção e mais uma vez, comprovado que é remédio também.

Uma foto postada no facebook por uma mãe dos Estados Unidos deu o que falar em 2016. Resolvi compartilhar com vocês, porque pode existir gente que não faz ideia do quanto o aleitamento materno é importante.

leite-materno-muda-composicao

Na legenda, a mãe explica que ordenhou o leite que saiu mais branco em uma noite antes de deitar. Ela conta que amamenta o filho a cada duas horas e não extrai mais até a hora de levantar. “Nessa madrugada, eu notei que, por volta das três da manhã, ela [a filha] estava congestionada, irritada e espirrando muito. Provavelmente, um resfriado, certo? Quando acordamos no dia seguinte, extrai o leite, como sempre faço. O que eu extrai está do lado direito da foto”, relata a mãe, referindo-se ao leite mais alaranjado.

“Não havia notado a diferença até hoje, mas, observem como o leite que eu extraí pela manhã se parece com o colostro (o superleite cheio de anticorpos e leucócitos que você produz durante os primeiros dias após o parto) e isso acontece logo depois de amamentar o bebê que ficou resfriado durante a noite… Incrível, não é? O corpo humano não para de me surpreender”, completou.

Um estudo de 2013, citado pela mãe no post, sugere que a saliva do bebê é “interpretada” por receptores presentes na glândula mamária. Assim, o corpo entende de quais anticorpos o bebê precisa para combater certo vírus ou infecção e produz um leite materno customizado, fortalecendo o sistema imunológico do bebê contra aquela infecção específica.

O pediatra e homeopata Moisés Chencinski, defensor da amamentação, diz que a foto publicada por Mallory é realmente incrível, mas exige uma interpretação cuidadosa. Ele explica que o leite materno, de fato, é um alimento vivo, que se transforma de acordo com as necessidades do bebê e vai mudando a composição conforme o tempo e a fase da mamada.“No entanto, não dá para responsabilizar o leite por tudo”, ressalta.

Claro que não devemos deixar de levar ao médico, medicar ou deixar de dar as vacinas, isso tudo é importante e imprescindível, mas uma coisa é certa, o leite materno foi desenvolvido pelo nosso criador e faz sim, muita diferença na vida das nossas crias!!

Marque aqui uma amiga que precisa saber disso e amamente!! Amamentar também é um ato de amor!

20180913_092116_0001

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s