Dirummad

Olhe para o seu filho

“Quando dentro de você se formar aquele tornado de raiva e você sentir vontade de gritar por causa daquele pedido de colo no momento errado… Pare, olhe bem aqueles olhinhos fixos em você… ninguém nunca vai te olhar com tanto amor daquele jeito.

Quando você estiver super cansada, louca por um banho e por um café quente, e repentinamente passos rápidos vierem na sua direção lhe mostrando os desenhos novos, pare e olhe bem aquele rostinho feliz… ninguém nunca vai querer dividir conquistas com você daquele jeito.

Quando estiver no meio do filme e escutar um choro gritando mamãe com o joelho ralado e você quiser brigar porque lhe estão pedindo colo, Pare… Ninguém nunca no mundo inteiro vai pedir seu colo para se sentir protegido daquela maneira. A necessidade do seu toque, da sua presença, do seu carinho.. isso acaba, será trocado por outros toques, outros carinhos. O sopro para tirar os ciscos dos olhos, as costas que viram cavalinho, o colo que virou ninho, o beijo que cura machucados… passa.

Quando você sentir vontade de sumir porque está esgotada demais, cansada demais, apenas pare… olhe e lembre-se: ninguém nunca vai te amar daquela maneira, te querer daquela maneira, desejar sua companhia daquela maneira. Você já quis ser o centro da vida de alguém? Ser os pilares da vida de alguém, o porto seguro? Pois então, agora você é TUDO isso na vida de alguém, neste exato momento é você o tudo dele(a), o mais importante e especial.

Olhe para o seu filho(a) agora, sinta o amor nos olhos dele tocar a sua alma…. você nunca será amada da maneira que seu filho te ama hoje, da maneira que ele te ama agora!” (Texto: Lisah)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s